Defesa Vegetal

GERENCIA DE DEFESA E INSPEÇÃO SANITÁRIA VEGETAL

A Defesa Sanitária Vegetal é responsável por assegurar a sanidade dos vegetais para chegarem à mesa do consumidor em condições saudáveis, através de ações de combate, controle e erradicação de pragas que possam causar prejuízos aos cultivos no Estado. As ações de prevenção tem que ser implementadas de forma a minimizar ou impedir os riscos de introdução e disseminação de pragas exóticas no Acre e consequentemente no País.

Dentre as principais preocupações de defesa vegetal está a iminente entrada da monilíase do cacaueiro, causada pelo fungo Moniliophthora roreri, que causa perdas de 30 a 90% da produção de cacau e cupuaçu, o controle do mandarová da mandioca, assim como a prevenção e combate de pragas da bananeira (Sigatoka negra, Moko e Moleque).

Outra importante atividade da gerencia de defesa e inspeção sanitária vegetal é a fiscalização do comércio, da manipulação e do uso de agrotóxicos e afins. Devido ao alto risco oferecido pelos agrotóxicos à saúde humana e ao meio ambiente, o IDAF/AC realiza a fiscalização periódica nos estabelecimentos comerciais e rurais, de forma a assegurar a devolução e destinação final das embalagens vazias de agrotóxicos.